You are currently viewing Como escolher a franquia certa para sua cidade?
GPS Map to Route Destination network connection Location Street Map with GPS Icons Navigation

Como escolher a franquia certa para sua cidade?

Uma das primeiras dúvidas de quem deseja entrar no universo do franchise é “qual a franquia certa para a minha cidade?”. Dúvida válida, afinal a franquia escolhida deve estar de acordo com aspectos da sua região, certo? Então, o que você precisa analisar para fazer a escolha correta?

  • Onde ficam os centros comerciais?
  • O que está em alta na região?
  • Como está a concorrência?

As chances de sucesso ao empreender são maiores quando você compreende essas questões. Mas calma! A gente está aqui para te ajudar!

A sua vida é na sua cidade.

Ninguém melhor do que você para conhecer as características do mercado de sua cidade, não é mesmo? E ao pensar em abrir uma franquia, esse conhecimento é essencial, pois escolher a melhor localidade e mercado para o seu futuro negócio é uma das decisões mais importantes. Também, de maior impacto no eventual sucesso ou fracasso da operação.

Um dos tópicos principais na hora de abrir um negócio é: a Análise do Ambiente de Mercado. Essa análise busca compreender as principais características do mercado local, sendo elas:

  • o cenário competitivo local
  • o público consumidor da região e seu poder de compra
  • os melhores bairros, ruas ou estabelecimentos comerciais
  • a presença de concorrentes
  • a políticas de preços
  • aspectos culturais e de hábito de consumo

Então uma boa dica é: começar se baseando nessas informações para que elas norteiam suas futuras escolhas.

Escolhendo o mercado

Adicionalmente, conhecer bem o seu segmento de atuação, ou seja, conhecer o seu público-alvo e se determinada região possui melhores ou piores indicativos de força do seu público é de extrema importância. Em outras palavras, é necessário compreender se o cliente que você deseja alcançar frequenta o local em que sua futura franquia estará localizada.

Já é comum que as franqueadoras, em geral, possuam dados de mapeamento de mercado para as regiões alvo onde almejam abrir as suas unidades, visto que esta análise se torna importante em diversas etapas do projeto.

Porém, nem todos os dados do mundo são tão eficazes quanto um morador local na hora de refletir sobre as particularidades e necessidades de sua cidade. Assim, você, que vive na sua região, é quem conhece as principais particularidades do mercado local! Isso mesmo, os bairros, as ruas, e estabelecimentos comerciais, além dos costumes e hábitos culturais. Portanto, você deve assumir um papel ativo na hora de definir se determinada franquia pode ou não ser uma boa oportunidade para a sua cidade.

Cidades Pequenas

No ano passado, muitas pessoas migraram dos grandes centros para o interior, e a opção de empreender nestas regiões se tornou bastante atraente. Afinal, implantar uma franquia numa cidade pequena é trazer inovação para um mercado acostumado a negócios de pequeno porte. Por outro lado, inovar demais sem conhecimento de seu público pode ser um tiro no pé. Para evitar surpresas, você deve saber se o negócio terá adesão local e fazer uma pesquisa detalhada do público, dos possíveis concorrentes, dos hábitos de consumo e outros fatores.

Alguns segmentos de franquias são mais indicados para cidades grandes. Por isso muitas redes impõem restrição para abertura de unidades franqueadas em cidades pequenas, com população menor que 100 mil ou 50 mil habitantes. É o caso, principalmente, de marcas de varejo, que possuem modelos de franquias de grandes lojas, e acabam por necessitar de um giro muito alto de vendas para manter o negócio saudável, ou seja, a cidade pequena acaba não tendo público suficiente para sustentar a loja.

Mas nem por isso faltam oportunidades de franquias para todos os portes de cidades, já que existem franqueadoras com estratégias de interiorização, focadas na abertura de franquias em cidades menores.

O que significa interiorização?

A interiorização atrai o interesse de redes de franquias pois, em teoria, cidades menores tendem a apresentar menos concorrência e menores custos de operação. Por isso, nos últimos anos, surgiram muitos modelos de negócios adequados a cidades pequenas, como é o caso de micro franquias e franquias home based. Estes modelos de franquias, na maior parte dos casos, são boas oportunidades para mercados menores. Logo, se você deseja abrir uma franquia em uma cidade pequena, deve escolher uma estratégia adequada para garantir o sucesso da nova loja.

Médias e Grandes Cidades

Cidades maiores possuem uma grande vantagem, pois os seus mercados recebem muito bem praticamente todas as franquias. A população de um grande município apresenta todas as variações de indicadores socioeconômicos relevantes, poder de compra, faixas etárias diferentes, densidade demográfica e assim por diante. Dificilmente uma franquia não encontrará o seu público-alvo em cidades de grandes dimensões.

Porém, quanto maior a cidade, maior a probabilidade do ambiente competitivo ser mais acirrado. Todas as marcas estão de olho nos grandes mercados. Então, ao optar por abrir uma franquia em um grande centro deve-se considerar, com um peso ainda maior, o cenário competitivo, ou seja, a presença e a força de concorrentes.

Análise da concorrência

Caso o segmento que mais te interessa já esteja consolidado na sua região, certamente você terá bastante concorrência e, neste caso, precisa se perguntar: essas empresas estão dando conta da demanda? E, se estiverem, será que não existem demandas por outros produtos e serviços ainda não atendidas na sua cidade?

Imagine que já existem três ou quatro clínicas odontológicas do tipo premium na sua região. Isso significa que todo o mercado nessa área está saturado? Não necessariamente. Se você gostaria de empreender neste segmento, talvez seja o caso de investir em uma clínica mais popular, por exemplo, com preços mais acessíveis. Focando numa fatia de público diferente que ainda não esteja sendo tão explorada. Esse movimento de olhar além do obvio e do planejamento inicial sempre é interessante. Vale ressaltar também que para ter uma ideia se o projeto é viável, a análise do ambiente de mercado se torna essencial mais uma vez.

Adicionalmente, a busca por pontos comerciais nestes grandes centros pode ser bastante complexa. Achar um ponto comercial desocupado, bem localizado, com o espaço e metragem adequados à operação da franquia, e, ainda, dentro do target de orçamento dos custos de ocupação é, geralmente, um grande desafio.

E aí? Quer escolher a melhor franquia para você na sua cidade?

Nós podemos te ajudar! Entre em contato conosco e saiba mais sobre o programa Mentoring Empreendedor para Franquias.

—————

Conheça as oportunidades de franquia que temos em nosso catálogo de clientes!

Deixe um comentário